SVN é destaque na captação do fundo XP Selection

SVN é destaque na captação do fundo XP Selection

SVN é destaque na captação do fundo XP Selection

SVN é destaque na captação do fundo XP Selection 1020 499 SVN Invest

–Priscilla Arroyo

A SVN foi reconhecida pela XP Asset pela sua importante contribuição na captação do fundo XP Selection Alternativo FIP Multiestratégia, que angariou R$ 1,2 bilhão, ultrapassando o alvo inicial de R$ 835 milhões.

Com objetivo de investir em private equity e venture capital –  empresas de capital fechado já estabelecidas e startups – o XP Selection possibilita acesso dos clientes pessoa física a esse tipo de investimento mais restrito, usualmente presente em um percentual relevante da carteira de grandes fundos de pensão, como o da universidade norte-americana Yale.

Usualmente administrado de maneira ativa pelos gestores mais experientes do mercado, esse tipo de produto geralmente é acessível somente para investidores institucionais, uma vez que o valor médio das cotas é de R$ 100 milhões.

Gestores

O XP Selection é administrado por Jorge Lange e Amabile Rebeschini que, juntos, têm mais de 30 anos de atuação no mercado financeiro. O fundo tem como objetivo investir 80% dos recursos em private equity e venture capital do Brasil por meio da compra de cotas de outros fundos. A rentabilidade alvo é inflação (medida pelo IPCA) mais 20%.

“Trata-se de um retorno muito atrativo, especialmente em um cenário de juros baixos”, diz Felipe Bernardes, sócio-fundador da SVN. “É uma oportunidade que demos aos nossos clientes de acessar essa estratégia por uma cota de R$ 50 mil, uma vez que o investidor comum historicamente não participa desse tipo de oferta”.

De acordo com uma pesquisa do Cambridge Associates, o retorno médio anual dos fundos mundiais de Private Equity geridos ativamente é de 21,2%, e os veículos dedicados a Venture Capital, de 33,3%. “Os fundos dedicados a esses tipos de ativos, no horizonte de longo prazo, entregam mais retorno que a Bolsa de Valores”, afirma Bernardes.